Sobre EGR

¿ Por quê trocar a válvula EGR para o emulador ?

Poupança – trocar a válvula danificada por uma nova ou consertar sai muito caro. O emulador tem um custo mais baixo e é uma solução bastante simples. Faz com que se esqueça qualquer problema para passar na inspeção, fumaça negra e motor com inestabilidade.

Notaria uma maior capacidade de respostas ao baixo regime, do que poderia derivar também com um menor consumo do combustível.

E o mais importante: quando deixa passar os gases queimados a adimissão, elimina-se a possibilidade de que os resíduos que possuem estes gases, possam acumular nos conductos das válvulas, prejudicando o rendimento. De facto, a obturação da própria válvula EGR devidos a estes acumulos misturados com os vapores do óleo do cárter( digamos que as mais antigas, as de vácuo.) acabam dando muitos problemas e teria que desmontar a vàlvula com a frequência para proceder a limpeza.

A válvula EGR denomina-se assim pelas siglas em inglês de Recirculação de Gases de Escape. Exhaust Gas Recirculation. Não está colocado o motor no lugar por acaso. Trata-se de um mecanismo pensando para reduzir as emissões que contaminam, tanto nos motores a diesel como nos de gasolina. Contudo, cada vez mais são mais usuários decidem a anular a válvula EGR, buscando maior rendimento do motor, menor consumo e menos avarías mecânicas. Tem algum fundamento? Para entender vejamos o que é a válvula EGR e como funciona.

¿O que é a válvula EGR?

A válvula EGR é um despositivo desenhado para permitir de uma forma parcial o passo dos gases de escape do novo ao circuito de admissão, com o objectivo de que se misturem os gases queimados com ar fresco e voltem a formar parte da combustão. A válvula pode abrir mediante ao vácuo provocado pela admissão (o ar é sugado e cria um vácuo que actúa sobre um diafragma rompendo à força a mola, consequentemente a válvula levanta e volta a fechar pela ação da mola.) ou bem controlada e acionada eletronicamente de acordo com os parâmetros que governam o ordenador. Estas últimas terminaram substituindo as de vácuo pelos motores mais modernos.

¿Qual a missão da válvula EGR ?

Por que passar novamente os cilindros de ar já queimados? Para contaminar menos. Concretamente, com a válvula EGR mantém-se a linha um dos componentes dos gases de escape e os óxidos de nitrogênio. A produção destes óxidos é maior quando a temperatura for alta na combustão e mediante a válvula EGR se consegue reduzir a temperatura da combustão ao introduzir novamente os cilindros gases queimados, cujo conteúdo for menor.

 

Motor Valvula EGR

 

 

 

¿Como funciona a válvula EGR ?

Normalmente a válvula abre e fecha com baixo e médio regime. Como jà deverá imaginar, o ar introduzido na camâra de combustão tem menos oxigênio quando produz a explosão no cilindro, que somente reagem os gases “frescos” que tiverem oxigênio para queimar. Com isso vai gerar menos calor, sendo assim o efeito esperado para redução e formação dos óxidos de nitrogênio. Quando se utiliza a máxima potência, ou seja, quando acelera a fundo, a válvula EGR permanece fechada, não actua. Lógico,porque nestas circunstancias necessita-se da contuibuição do ar com maior quantidade de oxigênio possível, quer dizer ar fresco.

Atè aqui descrevemos a teoria, mas o que passa na práctica? ¿Há “efeitos secundários” para o motor à válvula EGR? De facto, como já devem imaginar, se colocamos menos ar fresco e a combustão é menos potente, para dizer de alguma meneira, de certo modo a válvula EGR limita o rendimento. É algo parecido com o que acontece com os filtros das partículas que necessitam de uma série de injeções adcionais de combustíve para elevar a temperatura e assim poder regenerar o filtro queimando as cinzas acumuladas quando está cheio. Nos dois casos, hà um pequeno preço a pagar para contaminar menos.

¿Pode passar a inspeção sem problemas ?

A resposta é sim, para passar não há nenhúm problema porque a prova de contaminação dos gases de escape realmente não é possível ultrapassar o nível permitido já que os limites são iguais para todos os veículos: velhos, e novos. E sem a válvula EGR a diferença é muito pequena. Outra coisa, que depois de retirar a válvula EGR limpa-se o sistema de combustão com ar fresco das cinzas e carvão, para obter um veìculo mais limpo por dentro. Deixa sua carrinha respirar!